Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Casal Mistério

Casal Mistério

quiche de brócolos sem base, o almoço perfeito para esta época

30.04.22

Não engorda, não dá trabalho e fica óptima servida quente ou fria. Esta dietética quiche de brócolos e queijo é o almoço ideal para casa ou para levar para levar para a praia. O interior é feito com uma mistura de ovos, queijo derretido e leite. Tudo numa versão leite para conseguir recuperar a linha a tempo do Verão.

A receita é do site Taste e leva apenas 8 ingredientes: pão ralado (não comece já a protestar porque são só duas colheres de sopa), brócolos cortados em pequenos bouquets, um pimento vermelho sem sementes e laminado, fiambre magro picado, queijo cheddar magro ralado, ovos, leite magro e mostarda de Dijon. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

Schermafdruk-2016-10-04-21.10.00.png

 

 

diz que é uma panqueca alemã, só sei que é absolutamente divinal

30.04.22

Podem chamar-lhe o que quiserem mas que é uma panqueca um bocado estranha, lá isso é!

A verdade é que leva todos os ingredientes de uma panqueca normal, com o pequeno grande detalhe que não é redonda, é gigante e faz-se no forno. Não sei se é alemã, francesa ou inglesa (desde que não seja russa, é-me indiferente), mas vai ser o nosso brunch de hoje.

É irresistível e já estou a salivar só de imaginar esta delícia que descobri no blog Love and Olive Oil a desfazer-se na minha boca.

Só preciso de comprar leite, farinha, ovos, extrato de baunilha, sal e manteiga sem sal.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

german-pancakes.jpg

 

 

camarão no forno com crosta de coco e panko, uma receita exótica que fica pronta em 30 minutos

29.04.22

Hoje temos um jantar cá em casa e é o pretexto ideal para fazer esta receita incrível do blog Half Baked Harvest que eu ando a namorar há séculos. Não, não estou maluca, não são uns simples camarões panados. São uns espetaculares camarões com uma crosta de coco e panko feitos no forno, acompanhados de um molho de ananás picante. Mais exótico e delicioso é difícil.

Para fazer esta tentação, precisa de ter em casa dois ovos, camarão grande descascado com cauda, coco ralado, pão ralado panko, farinha, sementes de sésamo, paprika, sal e pimenta preta e azeite virgem extra.

Para o molho, precisa de molho picante, ketchup, alho picado, ananás picado, raspas e sumo de uma lima, manjericão ou coentros.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 6 pessoas, espreite aqui a receita original.

Oven-Fried-Coconut-Shrimp-with-Thai-Pineapple-Chil

 

e se em vez de um pão de alho fizer estas incríveis batatas de alho?

28.04.22

Não só são bastante mais deliciosas do que o básico pão de alho, como ainda têm este aspecto deslumbrante que toma conta de qualquer mesa de jantar. E, tal como o pão de alho, ainda podem levar um upgrade digno de primeira classe que dá pelo nome de queijo derretido.

Esta receita do site Delish acrescenta-lhe, por exemplo, parmesão e mozzarella ralados, mas pode usar outros queijos à sua vontade. Além dos queijos, vai precisar de batatas, manteiga derretida, azeite virgem extra, alho picado e salsa picada. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

index.png

Para preparar esta maravilha, comece por fazer vários golpes nas batatas, sem cortar a base, de forma a ficar com uma espécie de acordeão feito de folhas fininhas juntas umas às outras.

Coloque as batatas cortadas por cima de um tabuleiro forrado com papel vegetal. Agora só precisa de preparar o molho que vai por cima das batatas. Misture numa taça a manteiga derretida com o azeite e o alho picado. Pincele as batatas com parte deste molho, tempere-as com flor de sal e pimenta preta moída no momento e leve-as ao forno, pré-aquecido a 180º C, durante cerca de 20 minutos, até a batata começar a abrir e as folhas se separarem umas das outras.

Volte a pincelar as batatas com o resto do molho e espalhe por cima os queijos ralados. Volte a colocar no forno durante mais 20 a 25 minutos. Quando as batatas estiverem estaladiças por fora e moles por dentro, estão prontas. Sirva com a salsa fresca picada por cima.

 

Umas óptimas batatas para si onde quer que o pão de alho esteja,

Ele

 

receita e foto: delish

crumble de maçã e nozes pecan, uma sobremesa paleo, vegan e sem glúten

28.04.22

É saudável! A sério. É mesmo saudável. Esta versão paleo da típica receita de crumble de maçã não tem glúten, nem lactose e é vegan. Obviamente que é uma sobremesa, mas se servir sem a bola de gelado também é um excelente pequeno-almoço. Eu adoro.

Para fazer esta receita do blog Paleo Running Momma precisa de ter em casa óleo de coco, nozes pecan, farinha de amêndoa, xarope de ácer, flocos de coco, extrato de baunilha, canela em pó, noz-moscada, gengibre em pó, cravinho e sal para o crumble. Para o recheio, precisa de maçãs pink lady descascadas e cortadas às fatias, canela, noz-moscada, gengibre, açúcar de coco, extrato de baunilha e farinha de tapioca.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 8 pessoas, espreite aqui a receita original.

8c07fa4730db8bd045e024865d6f1cff.jpg

 

 

bolachas de aveia e coco só com sete ingredientes, o lanche mais fácil para levar para o trabalho

27.04.22

Uma receita que tem tantos ingredientes como golos num jogo de futebol só pode ser uma receita fácil. E estas crocantes bolachas de aveia e coco não levam mais ingredientes do que a meia final da Liga dos Campeões de ontem entre o Manchester City e o Real Madrid.

A receita é do site da Donna Hay e tudo o que vai precisar é de flocos de aveia, farinha, açúcar de confeiteiro, coco ralado, xarope de ácer, manteiga sem sal derretida e bicarbonato de sódio. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

278966065_10159437018508645_2396162614205598619_n.

Melhor ainda do que ter poucos ingredientes, é ser mais fácil de fazer do que tirar uma selfie com Marcelo Rebelo de Sousa. Só precisa de misturar numa taça os flocos de aveia com a farinha, o açúcar e o coco ralado. 

Misture a manteiga derretida ainda quente com o xarope de ácer e depois com o bicarbonato de sódio dissolvido em duas colheres de sopa de água. Junte esta mistura à farinha de aveia e mexa bem até ligar tudo.

Divida a massa em montinhos e coloque-os por cima de um tabuleiro de forno forrado com papel vegetal. Pressione ligeiramente os montinhos com um copo de forma a ficar com discos com cerca de 7 cm de diâmetro. Leve ao forno, pré-aquecido a 160º C, durante 8 a 10 minutos. Deixe arrefecer antes de guardar as bolachas numa lata. Vai ver se não fica com lanche para toda a semana.

 

Umas óptimas bolachas para si onde quer que esteja,

Ele

 

receita e foto: donna hay

esta lasanha de espinafres e ricotta é o jantar mais fácil para começar a semana

27.04.22

O queijo ricotta dá frescura, a mozzarella dá cremosidade e os espinafres dão-me a desculpa de que eu precisava para convencer a minha querida Mulher Mistério a fazer esta maravilha ligeiramente calórica. É verdade que não é propriamente light, mas a palavra espinafres é sempre um bom argumento para convencer qualquer boca mais céptica.

Além disso, esta lasanha, do site Delish, é facílima de preparar e só leva ingredientes básicos. Vai precisar de massa para lasanha, cebola picada, alho picado, orégãos, espinafres congelados, ricotta, um ovo, queijo parmesão, canela, mozzarella e molho marinara. Para ver as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

eae2f0f49940eaf83ba634ba7c883552.jpeg

Antes de qualquer outra coisa, descongele os espinafres e escorra-os bem. Enquanto isso, coza a massa al dente seguindo as instruções da embalagem. 

Aqueça um fio de azeite numa frigideira grande e salteie a cebola e o alho temperados com sal, pimenta e orégãos. Junte os espinafres bem escorridos e envolva-os na mistura. Numa taça, misture o ovo com o ricotta e o parmesão ralado. Tempere com sal, pimenta e canela em pó. 

Coloque agora uma camada de cinco folhas de massa a cobrir a base de um pyrex grande. Tape com uma fina camada de molho marinara seguida de uma camada de espinafres e outra de ricotta. Polvilhe com mozzarella ralada. Repita as camadas e termine com a mozzarella por cima. Tape com papel de alumínio e leve ao forno, pré-aquecido a 180º C, durante 45 minutos. Destape o pyrex e volte a colocá-lo no forno durante mais 15 minutos para gratinar a cobertura.

Sirva com salsa picada espalhada por cima.

 

Uma óptima lasanha para si onde quer que os espinafres estejam,

Ele

 

receita e foto: delish

mini tartes de maçã com molho de caramelo salgado, um presente delicioso para o dia da mãe  

26.04.22

É das sobremesas mais consensuais de sempre. Não me lembro de conhecer alguém que não goste de tarte de maçã. Então com um delicioso molho de caramelo salgado por cima é de chorar por mais. Com o Dia da Mãe a chegar, já estou a pensar no próximo pretexto para pecar. E esta receita do blog Williams-Sonoma é ideal para servir à minha querida e gulosa mãezinha no próximo domingo.

Para isso preciso de comprar farinha, sal, açúcar, manteiga sem sal e água gelada para fazer a massa das tartes. Para o recheio, preciso de maçãs Pink Lady, descascadas, sem caroço e cortadas em fatias com cerca 6 mm de espessura, raspas e sumo de um limão, açúcar, canela em pó e sal. Para o molho de caramelo, preciso ainda de mais açúcar, água, natas, manteiga sem sal, rum e sal.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 6 pessoas, espreite aqui a receita original.

WS_DOD_AppleGalette_5020.jpg

 

 

coxas de frango com molho de cogumelos, alecrim e alho, o nosso jantar de hoje

26.04.22

Este feriado à segunda-feira soube-me pela vida. Sou completamente a favor de semanas de quatro dias de trabalho, tenho a certeza de que seria (ainda) mais produtiva. A sério! Mas três dias seguidos de fim de semana significam três dias a desgraçar a minha dieta. É a vida. É o meu ciclo da vida: faço dieta, desgraço-me, faço dieta, desgraço-me, faço dieta, desgraço-me… enfim. Por isso, hoje o nosso jantar vai ser esta maravilha que descobri no blog What´s in the Pan com uma saladinha, pois claro.

Só precisamos de ter em casa azeite, coxas de frango com pele, sal e pimenta e italian seasoning (uma mistura de orégãos, alecrim, manjericão e tomilho secos), manteiga, cogumelos fatiados e alho picado, e para o molho: mais manteiga, farinha, caldo de galinha, vinho branco seco, alecrim fresco picado e em raminhos, sal e pimenta preta.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 6 pessoas, espreite aqui a receita original.

Oven-Roasted-Rosemary-Chicken-4.jpg

 

 

viva a liberdade gastronómica com este cheesecake de chocolate só com 4 ingredientes!

25.04.22

Não precisa de cozinhar e só leva 4 ingredientes. Num dia em que se comemora a liberdade, não há nada como enaltecer a nossa liberdade gastronómica. Sem dietas nem regimes ditatoriais contra as sobremesas!

Esta espectacular receita do site Food52 é provavelmente o mais fácil cheesecake de chocolate que podia fazer. E só leva bolachas digestive, manteiga derretida, chocolate preto e queijo creme. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

_xlarge.jpeg

Se não quiser sujar mesmo nada, coloque as bolachas dentro de um saco de congelação e esmague-as com um rolo da massa. Misture-as com a manteiga derretida e espalhe pela base de uma forma de 23 cm com o fundo amovível e previamente forrada com papel vegetal untado com manteiga. Pressione bem o crumble de bolacha para ficar firme e leve ao congelador durante cerca de meia hora.

Derreta 230 g do chocolate preto e deixe arrefecer. Pique os restantes 60 g. Enquanto isso, bata o queijo creme até ficar aveludado. Junte metade do chocolate derretido, continue a bater e adicione o resto. Envolva finalmente o chocolate picado neste creme e espalhe por cima da base de bolacha. Cubra com película aderente e leve ao frigorífico até ficar firme.

Sirva com flor de sal espalhada por cima.

 

Um óptimo Dia da Liberdade para si onde quer que a dieta esteja,

Ele

 

receita e foto: food52

vídeo: chèvre derretido no forno com mel e alecrim

24.04.22

DSC04309 2.jpg

É o nosso jantar de hoje! Estou a aproveitar os últimos dias de tempo frio (apesar de hoje estar um calor maravilhoso, mas não digam nada a Ela...) para poder fazer o meu prato preferido: queijo derretido no forno. E hoje vou fugir do tradicional camembert. Para variar, fiz este chèvre derretido com mel e alecrim. 

Como tem um sabor mais forte do que o camembert, o chèvre liga lindamente com o mel. E, além disso, é facílimo de preparar. Com uma garrafa de vinho tinto a acompanhar, sou um homem feliz.

 

 

Ingredientes

Para 2 a 4 pessoas

  • 110 g de queijo chèvre
  • 15 folhas de alecrim 
  • 3 colheres de sopa de mel
  • Tostas para servir

 

Pré-aqueça o forno a 200º C.

Coloque o queijo num pirex ou numa travessa pequena com uma tampa. O ideal é o queijo ficar apertado, bem encaixado na travessa.

Decore com as folhas de alecrim, o mel e tape.

Leve ao forno durante 12 a 13 minutos. Por essa altura, o queijo já deverá começar a derreter.

Retire do forno com cuidado porque o mel deve estar a borbulhar e muito quente.

queijo_cabra_forno_02.jpg

Deixe arrefecer durante alguns minutos e sirva com tostinhas, para acompanhar.

 

Um óptimo queijo para si onde quer que o vinho tinto esteja,

Ele

 

vídeo e fotos: casal mistério

halloumi grelhado com mel e alecrim, uma entrada deliciosa que fica pronta em 10 minutos

24.04.22

Esta maravilha servida com umas fatias de pão torrado é a entrada perfeita para quando precisa de improvisar um jantar em pouco tempo. Só precisa de 4 ingredientes e de uma frigideira. Pode optar por fazer no fogão ou no forno, fica ótima de qualquer forma.

A receita é do blog Belly Rumbles e para prepará-la só tem de ter em casa queijo halloumi, alecrim fresco, mel e azeite virgem extra.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 2 pessoas, espreite aqui a receita original.

Baked-Haloumi-1.jpg

 

 

como fazer vinagre balsâmico em casa

23.04.22

caroline-attwood-uaMwBQ_wjng-unsplash.jpg

Estou quase a transformar-me num poderoso produtor de vinagre balsâmico caseiro. Cá em casa, os Mini-Misteriosos e a sua querida mãe são obcecados por vinagre balsâmico. É uma pena porque eu até gosto do bom e velho vinagre de vinho branco ou tinto. Mas como a maioria faz a força tive de ceder e tornar-me um "industrial" do vinagre balsâmico caseiro.

Tudo graças a duas deliciosas dicas do site The Kitchn. Uma que ensina a transformar vinagre de vinho tinto em balsâmico e outra que ensina a transformar sumo de limão em vinagre balsâmico.

 

Se tiver em casa vinagre de vinho tinto... 

...só precisa de lhe dar um toque adocicado e outro que dê complexidade ao seu balsâmico. E para isso existe o mel e o molho de soja. Só tem de ter atenção às proporções. Para cada três porções de vinagre de vinho tinto, utilize uma porção de mel e umas gotas de molho de soja. Por exemplo, se usar uma colher de sopa de vinagre, junte uma colher de chá de mel e umas gotas de molho de soja. Misture tudo muito bem com uma vareta, até ficar homogéneo, e sirva.

 

Se tiver em casa limões... 

...esprema-os para retirar o sumo (não pode usar sumo comprado). Misture depois partes iguais de sumo de limão espremido, molho de soja e melaço. Mexa vigorosamente com uma vareta até ficar tudo bem ligado. E já está. A Família Mistério pode descansar. Sempre que o vinagre balsâmico acabar nesta casa, entra em campo o MacGyver da cozinha.

 

Um óptimo vinagre balsâmico para si onde quer que o próprio esteja,

Ele

 

fotos: caroline attwood / unsplash  

pão naan com húmus e ovo estrelado, o brunch que vai animar este fim de semana de chuva

23.04.22

Não vou rogar pragas à chuva porque estamos todos muito precisados de água, depois do período de seca que marcou o início deste inverno. Mas São Pedro podia organizar-se, não é? Podia chover durante a semana e enviar o sol aos fins de semana. Era bem mais agradável. Já que São Pedro se está nas tintas para as minhas ideias revolucionárias, vou enfrentar este fim de semana de chuva fazendo o que sei fazer melhor: comer.

Como não quero desgraçar totalmente a minha dieta, vou saltar uma refeição e vamos deliciar-nos com esta receita que descobri no blog Amanda Frederickson. Podemos acordar tarde à vontade porque não nos apetece fazer nada à chuva e o meu querido Marido Mistério prepara esta maravilha para o brunch.

Só precisamos de ter em casa uma courgette ralada, sal, iogurte grego, sumo de meio limão, pimenta preta moída, manteiga, molho Sriracha, húmus, ovos, fatias de pão naan ou pita (aquecidas), cebolinho e várias sementes para decorar.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 2 pessoas, espreite aqui a receita original.

Naan+(1+of+2).jpg

 

é quase uma quiche sem farinha (mas com muito queijo derretido) para fazer em 15 minutos

22.04.22

A relação com a minha querida Mulher Mistério está tão tensa como a do Sérgio Conceição com o Rúben Amorim. Aliás, a deles parece quase uma história de amor ao lado do que se passa cá em casa. A prezada Ela entrou num clima de alta tensão ao perceber que já só faltam 60 dias para o Verão e que ontem deu cabo de uma tarte de banana.

Eu acho que o atraso da dieta é culpa da Páscoa tardia, Ela acha que é culpa minha. E por isso decidiu que já não há abébias. Até 25 de Abril, é liberdade. Entre o dia 26 de Abril e 21 de Junho, não come hidratos nem bebe vinho. Ou, pelo menos, diz que não come.

Eu já me estou a preparar para o que aí vem. E vou começar com esta frittata de espinafres e parmesão, do site Williams Sonoma. Sem farinha, claro! Só vai precisar de 625 g de espinafres baby, 4 colheres de sopa de azeite, uma cebola laminada, 6 ovos, 4 dentes de alho picados e 30 a 50 g de parmesão ralado. 

img4l.jpeg

Lave os espinafres e aproveite apenas as folhas. Separe duas mãos cheias de espinafres e pique o resto. 

Numa frigideira com cerca de 20 cm de diâmetro, aqueça duas colheres de sopa de azeite e salteie a cebola até dourar. Junte todos os espinafres (inteiros e picados), tempere com flor de sal e deixe cozinhar durante dois a três minutos até murcharem. Passe tudo para um prato.

Junte os ovos com o alho picado e o queijo ralado e bata um pouco. Tempere com flor de sal, pimenta preta moída no momento e pimenta de caiena se gostar. Escorra a água dos espinafres e misture-os com os ovos batidos. Coloque tudo na frigideira previamente pincelada com as outras duas colheres de sopa de azeite. Ligue o lume no mínimo e cozinhe durante cerca de 5 minutos, até os ovos começarem a ganhar consistência por baixo.

Leve ao forno, previamente aquecido a 180º C, durante mais sete a nove minutos, dependendo de como prefere os ovos. E sirva quentinha.

 

Um óptimo almoço para si onde quer que esteja a dieta,

Ele

 

receita e foto: williams sonoma

Pág. 1/4