7 maravilhas do mundo para descobrir este ano

    4. mosteiro do ninho do tigre, butão

    4. mosteiro do ninho do tigre, butão

    O Butão por si só é uma maravilha por descobrir. Cercado por algumas das montanhas mais altas do mundo, os Himalaias, o país da felicidade e da meditação tem dezenas de templos, sobretudo budistas, a religião oficial do país. Mas o seu ex libris e o mais famoso é o Mosteiro do Ninho do Tigre, situado a 3200 metros de altitude. Reza a lenda que o Guru Rinpoche introduziu o Budismo no Butão no século VIII quando chegou a Paro vindo do Tibete, montado na sua Tigresa voadora e meditou nesta montanha durante 3 anos, 3 meses, 3 semanas, 3 dias e 3 horas (credo, eu não consigo meditar nem 3 minutos!). Enquanto isso, a tigresa construiu um ninho numa das entranhas da montanha. A verdade é que o correto nome do mosteiro será “Ninho da Tigresa”.

    Localizado a norte da cidade de Paro, tem de fazer um percurso de 20 minutos de carro até chegar ao parque de estacionamento da base do Ninho do Tigre. Aqui estará a 2300 metros de altitude. Ainda tem pela frente 900 metros sempre a subir. São duas horas e meia a andar sem paragens. Pode optar por ir de burro ou a pé. Pobre do burro que carregar comigo, prefiro maltratar o meu corpinho do que o pobre animal! Mas não se assuste: ao longo do caminho, pode aproveitar a vista magnífica, parar numa cafetaria e apreciar as bandeiras e rodas de oração.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *