Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

a maneira mais fácil de fazer gelado de iogurte grego

Quer que lhe confesse uma coisa? Ainda bem que o Verão este ano se atrasou – porque a dieta da minha querida Mulher Mistério também estava ligeiramente atrasada. E assim ficam quites. Se não temos tempo de praia também não temos absolutismo dietético. E é por isso que eu posso fazer receitas ligeiramente menos light do que aquelas que teria de fazer se estivesse um clima tropical. Como, por exemplo, este espectacular gelado de iogurte grego do fabuloso site The Kitchn.

Primeiro as boas notícias: não leva açúcar, só leva mel. Depois, as óptimas notícias: só precisa de três ingredientes e é facílimo de preparar. Agora, as menos boas notícias (atenção que não usei a palavra "más"...): leva 120 ml de natas. E iogurte grego gordo. E pouco mais.

No fundo, só vai precisar de natas, iogurte grego e mel. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

2bb3585735eedc2040f79a4609514e0e4af2ab3d.jpeg

 

A beleza desta receita está na simplicidade. Junte, numa taça, 900 g de iogurte grego com as natas e 250 a 350 g de mel, dependendo se quer o seu gelado mais ou menos doce. Bata à mão ou com uma batedeira até ficar tudo bem ligado e mais leve. Coloque a mistura dentro de um recipiente forrado com papel vegetal. Ponha mais uma folha de papel vegetal por cima, para evitar a formação de cristais, e tape. Leve ao congelador por períodos de 30 minutos mexendo a cada intervalo.

Quando o gelado estiver com a consistência ideal, sirva. Vai ver que, com uns frutos silvestres por cima, fica simplesmente perfeito.

Normalmente, depois de três horas no congelador, fica com a consistência de que eu mais gosto. É claro que, se tiver uma máquina de fazer gelados, é mais rápido e mais simples. Mas assim já é suficientemente simples.

 

Um óptimo gelado para si onde quer que o iogurte grego esteja,

Ele

 

receita e foto: the kitchn