Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

chips estaladiços de courgette, o aperitivo saudável para o verão

Imagine umas estaladiças e viciantes batatas fritas. Agora tire-lhes as batatas e as fritas. Com o que é que fica? Com as estaladiças e viciantes. É isso que é esta receita do fabuloso blog Kitchen Treaty.

Depois de muito procurar, encontrei finalmente a melhor maneira de fazer umas batatas fritas que não são batatas nem fritas. Têm tudo o resto: o sabor salgado que nos faz beber um copo de sangria cada vez que o Ronaldo toca na bola, a textura estaladiça que provoca aquele crepitar viciante nos dentes... Mas depois não tem as calorias nem a gordura.

O segredo do Kitchen Treaty para fazer os chips de courgette estaladiços está na humidade e na grossura das rodelas. Nunca as deve cortar com mais de 0,3 centímetros de espessura. E o ideal é ficar algures entre os 0,15 e os 0,3. Para isso, tem de ter uma faca bem afiada ou um mandolim. Depois precisa das courgettes grandes, de azeite, flor de sal e pimenta preta moída no momento. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

salt-and-pepper-baked-zucchini-chips6-700x467.jpg

 

Uma vez cortada a courgette fininha, vai precisar de a secar. Pegue em duas folhas grandes de papel de cozinha e espalhe as rodelas de courgette sobre elas, sem deixar tocar umas nas outras. Deixe assim durante cerca de 10 minutos, de forma a absorver toda a humidade. Troque as folhas de baixo por outras secas e limpe o topo com mais umas folhas de papel de cozinha.

Assim que as rodelas de courgette estiverem quase sem água nenhuma, espalhe-as, sem as sobrepor, por cima de um tabuleiro forrado com duas folhas de papel vegetal e pincele-as com um pouco de azeite. Tempere com flor de sal e pimenta preta moída no momento e leve ao forno, pré-aquecido a 100º C, durante cerca de duas horas. 

Ao fim de uma hora, vire as rodelas de courgette ao contrário. E, depois de uma hora e meia, comece a confirmar se os chips estão prontos. À medida que comecem a ficar dourados e estaladiços, vá tirando-os para fora. Depois de duas horas de forno, devem estar todos impecáveis. Se gostar, polvilhe com queijo parmesão ralado e sente-se à frente da televisão. Com um petisco destes, ninguém pára o nosso Ronaldo.

 

Força Portugal, onde quer que os chips de courgette estejam,

Ele

 

receita e foto: kitchen treaty