Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Casal Mistério

Casal Mistério

como fazer o molho tzatziki mais fácil e fresco para o verão

02.07.19

Agora que o mês de Julho já começou e o calor chegou com a mesma intensidade com que o Jerónimo de Sousa sonha com Karl Marx, precisamos desesperadamente de receitas frescas, leves e saudáveis. Acontece que estas três palavras podem facilmente ser traduzidas para grego e resumidas numa única expressão: tzatziki! 

Não, não espirrei. Estou a falar daquele que é um dos mais deliciosos molhos para um almoço de verão. É feito a partir de uma conjugação perfeita de iogurte (grego, claro!) com pepino sem água. E fica divinal numa salada, numa sanduíche, num wrap ou até simplesmente servido numa taça para ir molhando umas cenouras e uns palitos de aipo crus.

Felizmente, a autora do espectacular blog Cookie and Kate esteve na Grécia e aprendeu a fazer um espectacular e facílimo molho tzatziki. E é isso que eu vou preparar para os nossos almoços de praia este ano.

Para fazer esta maravilha, só precisa de iogurte grego, pepino ralado (não precisa de o descascar), azeite, hortelã ou endro, sumo de limão espremido, um dente de alho picado e sal. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

best-tzatziki-recipe-1-768x1154.jpg

 

A base do molho tzatziki é iogurte grego com pepino sem água. Há várias maneiras de retirar o excesso de água do pepino, mas a mais rápida é ralá-lo e depois espremê-lo até sair tudo. Feito isso, só precisa de misturar o pepino desidratado com os restantes ingredientes, numa taça, e deixar assentar durante cerca de cinco minutos para os sabores ficarem bem ligados.

Depois, é devorar. E deliciar. Esta semana, vou levar esta maravilha para a praia. Em wraps com salmão fumado para as crianças. E numa taça com palitos de cenoura e aipo para a minha querida e novel magra Mulher Mistério.

 

Um óptimo molho para si onde quer que o iogurte grego esteja,

Ele

 

receita e foto: cookie and kate