Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Casal Mistério

Casal Mistério

o autor da melhor receita de húmus do mundo fez uma versão para preparar em apenas 5 minutos

02.08.20

Já há alguns anos que sou absolutamente fascinado pela fantástica receita de húmus do chef israelita Michael Solomonov. Considerado por várias revistas de gastronomia como o melhor húmus de sempre, a receita tem apenas um defeito: demora quase tanto tempo a preparar como a introdução de um discurso de Fidel Castro. 

Para mim, pode ser uma receita deliciosa – e é –, mas é para preparar uma vez na vida, quando o nosso filho mais velho se licencia na universidade (quando chega a vez dos filhos mais novos já inventamos uma desculpa).

Acontece que agora o jornal americano The New York Times publicou uma adaptação feita pelo mesmo chef israelita à sua receita ultra-complexa. E que transforma um pesadelo de dois dias num trabalho de cinco minutos. Com todo o sabor e com aquela consistência aveludada absolutamente única. Pelo menos, é o que garante o chef e o New York Times.

safe_image.jpeg

 

Ingredientes 

  • 1/4 de dente de alho
  • Sumo de 1 limão
  • 1 frasco de tahini com 450 g
  • 1 colher de sopa de sal
  • 1 colher de chá de cominhos
  • 250 a 400 ml de água gelada
  • 2 frascos ou latas de grão com 400 g cada

 

Aquilo que na receita original era deixar o grão de molho, de um dia para o outro, e depois cozê-lo, aqui está reduzido dois frascos de grão de conserva que só tem de passar por água e deixar a escorrer. Outra enorme vantagem é que vai utilizar todo o frasco de molho tahini, o que evita deixar os restos de tahini durante meses no frigorífico sem qualquer utilidade.

Para preparar o húmus, coloque 1/4 de dente de alho num triturador de comida, ou no robô de cozinha, com o sumo de limão. Espalhe o molho tahini por cima, rapando bem todos os restos que ficarem no frasco, e tempere com sal e cominhos. Triture bem durante cerca de 1 minuto. Quando a mistura estiver com a consistência parecida com manteiga de amendoim, comece a deitar a água gelada, aos poucos, sem parar de triturar. Assim que o creme estiver com uma consistência aveludada e cor de areia seca, está pronto.

Para finalizar, adicione o grão cozido e escorrido e triture durante mais cerca de 3 minutos, rapando as paredes do copo para conseguir uma consistência aveludada uniforme.

Já viu receita mais fácil do que esta?

 

Um óptimo húmus para si onde quer que o chef israelita esteja,

Ele 

 

receita: michael solomonov; foto: the new york times