Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

santos populares: os 6 melhores arraiais deste ano em lisboa

Durante este mês de junho, Lisboa transforma-se num autêntico arraiódromo. Ao todo, são mais de 50 os arraiais espalhados por toda a cidade, sendo que há zonas como Santos ou Alfama, que nem se percebe onde começa um e acaba outro. É a loucura. E eu adoro, claro. Adoro o cheiro e o sabor das sardinhas, a mostarda a escorrer das bifanas, as imperiais e as sangrias a desaparecerem das mesas a um ritmo avassalador e, sobretudo, as coreografias a encherem as pistas ao ritmo da música pimba. Todos os arraiais têm o seu encanto. Este ano, optámos por selecionar os mais típicos, os mais originais e, claro, os alternativos.

vila berta 2.jpg

 

Arraial da Vila Berta

A Vila Berta, uma histórica vila operária, na Graça, regressou em grande às Festas de Lisboa em 2010, quando um grupo de vizinhos decidiu arregaçar as mangas a propósito da comemoração do centenário da vila. Desde então, de ano para ano, tem vindo a conquistar fãs. Por esta altura, moradores, amigos e vizinhos decoram o bairro e convidam ao bailarico pela noite dentro, com sardinhas na brasa, bifanas e petiscos, imperiais fresquinhas, rifas, manjericos, luzes, grinaldas, lanternas, canteiros arranjadinhos, bares, mesas e cadeiras, chuva de balões e velas acesas no altar do Santo António. É castiço, é maravilhoso e é diversão garantida.

vila berta.jpg

Arraial de São Vicente

Se quiser fugir da confusão de Vila Berta, pode sempre optar pelo Arraial de São Vicente. A Junta de Freguesia de São Vicente organiza arraiais à volta de três pontos estratégicos – um no Miradouro Sophia de Mello Breyner, outro no Largo da Graça e outro no Largo de São Vicente. Aqui não vai faltar música e animação nos três palcos montados, enquanto saem sardinhas da grelha e caldo verde das panelas. Já para não falar das bebidas. Essas, nunca acabam…

17080752_H6FBE.jpeg

Arraial da Bica

Não há hipótese. Neste arraial, corre o risco de congestionamento, não só de pessoas mas sobretudo de rede no Instagram, tal o número de influenciadores, atores de novelas e todo o tipo de artistas (uns mais artistas do que outros) por metro quadrado, que tentam passar despercebidos no meio dos populares e se deixam embalar pelos acordes de música pimba. A Bica é o arraial verdadeiramente vertical, no sobe-e-desce do percurso do elevador, entre a tradição bairrista e o ritmo dos bares que fazem as noites de um dos bairros mais animados da capital. Com o Bairro Alto logo ali, a Bica é um corrupio de sardinhas, febras, baile e a festa que se faz dentro e fora de portas de cada espaço. Não deixe de espreitar o arraial do Largo de Santo Antoninho mesmo ali ao lado, onde a animação e os apertões são garantidos.

61708889_2268313103263963_3256636038541475840_o.jpg

Santos Independentes

É um dos roteiros alternativos e, por isso, um dos meus preferidos. Adoro o ambiente do atual Largo do Intendente. No dia 12, a maravilhosa Casa Independente veste-se a rigor para receber o arraial de Santo António. A festa divide-se entre o pátio da casa e o salão. O menu, pouco convencional, está a cargo do restaurante Patuá, a música dura até às 4 da manhã.

village.jpg

Arraial Moderno

O Village Underground não quis passar ao lado dos Santos Populares e preparou um Arraial Moderno com entrada livre a partir das 16h e “música um pouco menos pimba. Mas para dançar”. A organização garante que “será mais difícil nos perdermos das sardinhas e dos amigos”. Com entrada livre das 16h00 às 23h00, conta com Tomás Wallenstein (Capitão Fausto), Thomas Oulman (Ganso), PZ e Jibóia para animar a noite de Santo António.

veggie.jpg

Arraial Veggie Vibes

Aqui esqueça as sardinhas e as bifanas. O Arraial Veggie Vibes vai tomar conta do Mercado de Santa Clara até ao próximo dia 13, e será com toda a certeza o ponto de encontro preferido dos vegan e vegetarianos nos Santos. As ementas são da responsabilidade de espaços como o Vegano Social Club, o Café Com Calma, o Mundo Vegetariano, a Coxinha da Lívia, o Burrito Burratcho, o Mundo Verde ou o Comer com Cor. E as especialidades são o chouriço assado vegan ou as seitanas, a versão seitan das bifanas.

 

A mim, quem me tira uma sardinha nos Santos, tira-me tudo!

 

Uns ótimos Santos para si onde quer que esteja,

Ela

 

fotos: d.r.