Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

ainda estou em choque: a receita de pastéis de nata "portugueses" do jamie oliver leva...

portuguese-custard-tart-758547_960_720.jpg

...Peço desculpa pela pausa dramática, mas ainda me estou a tentar recompor do baque: crème fraîche?! Eu repito: crème fraîche?! Os nossos queridos pastéis de nata?! Como é que uma receita típica portuguesa, criada algures no século XVIII, pode levar um ingrediente com um acento circunflexo em cima do "i". Um ingrediente que nem sequer se digna a ter uma tradução para português?! O que é que terá passado pela cabeça do Jamie Oliver?

Estava eu ontem tranquilamente a fazer o desmame de mais uma dieta da minha querida Mulher Mistério (tradução: estava eu ontem, às escondidas, à procura de uma boa receita de pastéis de nata para fazer sorrateiramente em casa) e eis que esbarro com a receita que Jamie Oliver publicou no seu livro 30 Minute Meals. Com direito a vídeo e tudo, tal é o descaramento!

94162-blog2b-2bjamie2boliver2b302bminute2bmeals2bb

Primeiro ponto: o crème fraîche. Desde quando é que uma embalagem de crème fraîche passou do hall de entrada dos Pastéis de Belém? Ou da Manteigaria? Ou da Aloma? O crème fraîche é o Bombarralense do campeonato dos alimentos. É a equipa B das natas frescas. É aquilo que usamos quando não temos mais nada para colocar e precisamos de uma solução desesperada.

Segundo ponto: os pastéis de nata "portugueses" do Jamie Oliver ainda levam uma cobertura de caramelo de laranja! Ora, eu sei que aquele queimadinho por cima dos pastéis de nata intrigou o Jamie. Também me fascina a mim. Mas um pastel de nata não é um leite creme. E também não é uma laranjada. Por isso, onde é que o nosso Jamie foi buscar o caramelo com sumo de laranja espalhado por cima?

Eu compreendo que não queira ver mais nada sobre este tema, eu próprio estou indisposto. Mas se insistir, tem aí em baixo a receita completa dos pastéis de nata "portugueses" segundo o Jamie Oliver. Vade retro!

 

 

como fazer uma divinal e facílima tarte de limão e leite condensado

Estou viciado. Assumo. Não há dieta que me consiga manter afastado de uma fabulosa tarte de limão. Ela pode estrebuchar, pode rabujar, pode até choramingar – mas eu não vou parar (ena, que belo verso!). Esta fabulosa tarte de limão com... (pequena pausa dramática para aumentar a emoção)... leite condensado... (mais uma pausa para gritarmos um "uau"!)... é perfeita para estes dias de calor: é leve, fresca e facílima de fazer.

A receita é baseada numa criação do chef americano Bill Smith e foi preparada pelo The New York Times. Segundo o jornal, é um autêntico "dia de Verão em forma de tarte".

Para a base, só vamos precisar de 200 g de bolachas de água e sal, 3 colheres de sopa de açúcar e 115 g de manteiga à temperatura ambiente. Para o recheio, separe 4 gemas de ovo, 1 lata de leite condensado e 120 ml de sumo de limão. Se quiser, também pode espalhar por cima, no momento de servir, um fenomenal chantilly com raspas de limão. Para tirar dúvidas, veja aqui a receita completa.

merlin_141364530_a347f792-5279-4738-9d76-72114e893

 

o melhor bolo que provámos este ano: cheesecake de figo e mel

Antes de qualquer outra coisa, vamos às apresentações: caro, ilustre e distinto leitor, apresento-lhe a Madame Cheeselova. Não tenha medo, não é uma "madame" dos anos 50 e não é polaca. É bem portuguesa e começou a vender, há uns anos, cheesecakes nova-iorquinos através do Facebook

Os cheesecakes nova-iorquinos são cozidos lentamente, a baixa temperatura, no forno, o que os deixa com uma massa cremosa e muitíssimo suave. Só isso já me faria encomendar um verdadeiro camião de bolos cá para casa. Mas há mais. À massa, a Madame mistura ainda um fabuloso puré feito com fruta fresca, o lhe que dá ainda mais cremosidade e muitíssimo mais sabor. E depois inunda o cheesecake por cima com os mais variados e criativos toppings: fruta fresca, caramelo salgado, lemon curd, mel, etc..

IMG_20180904_114117.jpg

 

 

bolo de chocolate e amendoins com base de batata frita (juro que é verdade!)

É claro que eu não vou comer esta tentação do capeta. Adorava. Deve ser do outro mundo, mas infelizmente a minha dieta não me permite. Descobri esta ideia surreal no site da BBC e confesso que estou louca para experimentar esta base de batata frita.

Vou pedir ao meu querido Marido Mistério para fazer para o resto da família, só para eu dar uma dentadinha (o diminutivo foi bem usado, vai ser mesmo muito pequenina).

Ele vai precisar, para a base, de batatas fritas de boa qualidade, manteiga e golden syrup (como é difícil encontrar, vou sugerir-lhe usar xarope de ácer). Para o recheio, vai precisar de mais manteiga, chocolate preto partido em pedaços, 3 ovos mais 3 gemas, açúcar e amendoins com sal, tostados e picados.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, espreite aqui a receita original.

5b87a5c2008d517b05bd8d578aaf4bd3.jpg

 

 

bolachas de chocolate recheadas com nutella cremosa, a maior maravilha que já vi

É a mais absoluta desgraça! Esta receita é daquelas que nem é preciso dizer nada. Basta mostrar esta fotografia e suspirar perante a inevitabilidade do momento. Vamos ter de fazer, não vamos? Umas bolachas recheadas com Nutella a babar por todos os lados é demais. Até para a minha querida, prezada e dietética Mulher Mistério.

Perante esta loucura, não há nada a fazer nem a dizer. Só há que comer. E muito.

nutellafinal.jpg

 

   

os bolos mais fáceis e saudáveis de sempre: biscoitos de banana, coco e chocolate sem farinha nem açúcar

Esta receita é o Real Madrid dos bolos de fim-de-semana. Ganha tudo e não perdoa deslizes. Cá em casa, bastou a minha querida Mulher Mistério distrair-se durante dez minutos para eu mergulhar na cozinha com esta fabulosa receita do site The Kitchn debaixo do braço.

A massa dos biscoitos é feita apenas com banana esmagada e coco ralado. Toda a consistência vem desta divinal combinação de dois ingredientes: o coco dá-lhe aquele fabuloso toque tropical e a textura semi-tostada; a banana faz o papel do ovo e ajuda a ligar os pedaços de coco enquanto dá uma consistência macia e suave aos biscoitos. E é só: para acabar, deite por cima o chocolate derretido com um bocadinho de óleo de coco.

Para fazer esta maravilha, só vai precisar mesmo disto: uma banana bem madura, já com algumas manchas pretas na casca e 70 g de coco ralado fininho. Para o topping, separe chocolate partido em pedaços e óleo de coco. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, veja a receita original aqui.

5c6de6e7661d8d359b8fb073c7f1db51366c44b1.jpeg

 

bolo de banana paleo e sem glúten para fazer em 2 minutos no micro-ondas

Gosta de acordar de manhã e comer alguma coisa doce? Sabe tão bem, não sabe? Esta receita do blog One Clever Chef é ideal para quem tem pressa de manhã, mas, mesmo assim, ainda precisa de comer alguma coisa consistente e que tire a fome até à hora do almoço. Não tem glúten nem leite e é aprovada pela famosa dieta do paleolítico.

Demora 2 minutos a preparar no micro-ondas e só precisa de uma banana madura esmagada, farinha de amêndoa, um ovo, xarope de ácer (opcional), óleo de coco derretido, extrato de baunilha, nozes picadas, uma pitada de sal e açúcar de coco (também opcional).

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 1 pessoa, espreite aqui a receita original.

banana-mug-cake-1.jpg

 

 

bolo de limão para dois, uma receita incrivelmente romântica

Hoje resolvi fazer uma surpresa ao meu querido Marido Mistério. Ele merece: Ele cozinha, Ele vai às compras, Ele é ótimo pai, Ele, tenho de admitir, saiu-me melhor do que a encomenda. E de vez em quando tenho de lhe dizer isso mesmo ou então retribuir com pequenos gestos de que Ele não está à espera. Sim, porque pode não parecer, mas eu também sou muito prendada. Não na cozinha, mas noutros ramos de atividade… Quais? Em muitos!

Para fazer esta surpresa, terei de contar com a preciosa ajuda do nosso Filho Mistério com vocação para chef porque implica eu ter de entrar na cozinha, o que é meio caminho andado para a catástrofe. E que surpresa é essa, deve estar a questionar-se? Pois bem, é esta incrível receita de bolo de limão que descobri no blog Dessert for Two. O meu querido Marido Mistério é viciado em tudo o que tenha limão, por isso, quando eu lhe aparecer com esta maravilha à frente dele, suspeito que vá derramar uma pequena lágrima de emoção.

Ainda por cima, esta receita só demora meia hora a fazer. Vou precisar de farinha, açúcar, fermento, bicarbonato de sódio, uma pitada de sal, uma gema de ovo, iogurte grego, azeite, raspas de um limão e sumo de limão fresco. Para a cobertura, vou precisar de mais sumo de limão e de açúcar em pó.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 2 pessoas, espreite aqui a receita original.

lemon-cake-for-two.jpg

 

 

tarte de mousse de chocolate, a surpresa mais deliciosa de sempre

Olá, eu sou o (piiiiiiii) e sou filho do (piiiiiiii). Peço desculpa, não estou a dizer palavrões, mas é que o meu pai tem a mania do mistério e não nos deixa dizer nem "Casal Mistério" em casa nem os nossos nomes em público.

Não pense que ele é mau por causa disso. Não, é muito bonzinho, é querido para nós, não nos chateia quando temos más notas – ao contrário da minha mãe (emoji olhos revirados) – e está sempre à procura de boas receitas de que nós gostamos para nos fazer ao jantar.

Por isso é que hoje eu juntei-me aos meus irmãos para lhe prepararmos uma surpresa. Como eu sou o que cozinho melhor (Ele está sempre a dizer que eu ainda vou ser chef, mas eu não sei se quero), os meus irmãos escolheram-me para fazer o jantar. Eles dizem que isso é uma coisa boa, mas eu acho que eles só se estão a aproveitar de mim para poderem aparecer como os autores de uma surpresa quando na verdade não fizeram nada.

Bem, não vale a pena queixar-me... Se calhar assim até é melhor. Se eles fossem para a cozinha preparar qualquer coisa, ia ficar uma desgraça por isso é melhor ser eu a tratar de tudo.

Como o meu pai é muito guloso e adora bolos e chocolate, vou fazer uma tarte de mousse de chocolate que é muito fácil de cozinhar. Encontrei a receita no site FeedFeed e leva bolachas de chocolate picadas, manteiga derretida e açúcar mascavado para fazer a base. Para o recheio, leva chocolate preto, manteiga de amendoim macia (não é daquelas duras que há às vezes no supermercado), açúcar, natas para bater e extrato de baunilha. As quantidades certas estão aqui, mas eu acho que vou usar menos açúcar porque a minha mãe diz que faz mal ao meu pai que já não é muito novo.

ae6f4c43087bec67982441bd05a909dd.jpg

 

 

cheesecake de leite condensado, uma sobremesa para fazer em menos de 15 minutos

Primeiro, as más notícias: ontem cheguei a casa e a ala feminina da minha querida Família Mistério anunciou que ia entrar em dieta rigorosa. Não estou a falar da respeitada líder Ela Mistério, não estou a falar da Mini-Misteriosa mais velha – estou a falar de todas as Misteriosas desta casa. Foram todas em peso (peço desculpa, não era trocadilho...) a uma nutricionista e anunciaram que vão eliminar os hidratos de carbono, o açúcar, a gordura... basicamente tudo.

Agora, as boas notícias: a medida só entra vigor na segunda-feira, o que quer dizer que ainda tenho algumas horas de liberdade. Ou, melhor: algumas horas de anarquia, porque vou aproveitá-las para preparar um fenomenal cheesecake para a desgraça: leva açúcar, leva leite condensado, leva bolachas, leva tudo a que tenho direito.

A receita é do sempre espectacular site The Kitchn e só vou precisar de bolachas digestive, açúcar mascavado, manteiga derretida, queijo creme, uma lata de leite condensado, sumo de limão espremido no momento e extracto de baunilha. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

7b1f0e654503807238d906bd8cff5330407fd8a2.jpeg

 

 

o bolo de casamento do príncipe harry não vai ser assim

07b38c04-7137-4fb9-9d00-23f80b0ca013-getty-119552858.jpg

Banana! Apesar de todo o segredo à volta do casamento do Príncipe Harry com a actriz Meghan Markle, uma fonte próxima do casal revelou ao jornal britânico The Telegraph como vai ser o bolo dos noivos.

Ao contrário do que aconteceu no casamento do seu irmão e da sua mãe, Harry decidiu servir um bolo de banana. "É a primeira vez que um casamento real britânico vai ter um bolo de banana", diz a fonte citada.

Segundo a tradição na família, os bolos de casamento são sempre feitos com frutas desidratadas e frutos secos. Depois são embebidos em muito álcool. A ideia é tornar o bolo dos noivos indestrutível – e comestível até ao dia baptismo do primeiro filho do casal.

A tradição já tem mais de 100 anos, quando a famosa marca de bolachas digestive McVitie's foi convidada pela primeira vez para fazer o bolo de casamento real. Em 1893, a McVitie's foi a responsável pelo bolo do casamento da Rainha Maria com o Rei Jorge V. Em 1947, fez o bolo da Rainha Isabel II. E, em 2011, tratou do bolo de William e Kate (foto em cima) que, apesar de ser um bolo de fruta, como manda a tradição, levava uma base feita com 1.700 bolachas digestive e mais de 16 quilos de chocolate.

 

 

muffins de banana sem açúcar nem farinha para fazer em apenas 25 minutos

Todos os anos, no Dia dos Namorados, este vosso pobre e velho amigo finge que tem novamente 18 anos e acorda mais cedo, ainda de noite cerrada, quando só os mochos e o Marcelo Rebelo de Sousa estão de olhos esbugalhados, para fazer um pequeno-almoço surpresa para a sua querida Mulher Mistério. 

Se acha que isto já seria uma verdadeira prova de amor, então prepare-se para o resto. Não contente com um pequeno-almoço na cama a um dia de semana, a pequena Mao Tsé-Tung desta casa tem algumas exigências adicionais: as receitas não podem ter açúcar nem farinha e precisam de ser tão deliciosas como surpreendentes. Se alguma destas condições falharem, o seu sorriso rapidamente se transforma numa sobrancelha eriçada.

É assim! As exigências são tão grandes que o meu trabalho de pesquisa tem de começar muito antes do Dia de São Valentim. Felizmente, este ano o assunto está resolvido: vou preparar uns fabulosos muffins de banana sem açúcar nem farinha (claro!) e que ficam prontos em pouco mais de 20 minutos, o que é o mais importante quando cada minuto de sono vale mais do que um minuto do Ronaldo. A receita é do espectacular blog Pinch of Yum e é tão fácil de fazer que só leva 5 ingredientes.

Banana-Muffins-5.jpg

 

o melhor lanche para as férias: biscoitos de cheesecake com recheio cremoso para fazer nuns minutos

Pronto! Ontem desintoxiquei, hoje cozinhei. Época de festas é assim. Não há tempo a perder. E, quando temos uma casa cheia de crianças de férias, é preciso encontrar receitas surpreendentes para alimentar um camião TIR de bocas famintas e exigentes. É só cá em casa ou os adolescentes são mesmo um buraco sem fundo no que toca à comida?

Hoje vou fazer para o lanche uns divinais biscoitos de cheesecake, do site The Kitchn. Basicamente, são uns biscoitos que levam uma mistura única de queijo creme com manteiga quase derretida, o que lhes vai dar um recheio cremoso e húmido.

Convencido? Convencida? Eu também. E é por isso que já tenho aqui separado à minha frente queijo creme, açúcar, um ovo, extracto de baunilha, manteiga à temperatura ambiente, flor de sal, farinha, fermento e bicarbonato de sódio. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

12.jpeg

 

bolinhos de coco sem glúten, o lanche mais fácil para as suas férias

Férias de Natal na escola é o mesmo que resmas de crianças em casa. Com uma mini-equipa de futsal a herdar o apelido Mistério, imagine o que é se cada um levar um amigo para casa. Ao mesmo tempo. Na mesma sala. Em cima de nós.

Foi isso que aconteceu ontem: 4 filhos x 2 = 8 crianças + 2 adultos = 10 pessoas. Onze jogadores é o que Jorge Jesus precisa para encher um campo de futebol. Agora imagine isso tudo multiplicado pela energia de adolescentes fechados em poucos metros quadrados.

A única maneira de acalmar tanta vida é com comida. Boa, deliciosa e, já agora, minimamente saudável. E foi isso que eu fiz ontem, com a receita preferida dos nossos queridos Mini-Misteriosos para um dia a correr de um lado para o outro. São uns fabulosos bolinhos de coco, do site The Kitchn, que eles podem levar para qualquer lado enquanto vão petiscando. São tostados por fora, molhadinhos por dentro e nem sequer levam farinha. 

Tudo o que precisa é de coco ralado (pode ser coco adoçado ou não, dependendo de como prefere os seus bolinhos), claras de ovo, açúcar, extracto de baunilha e flor de sal. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

dd6fb8983690fd382cb2484dabf996cd9b077d14.jpeg

 

 

bolo de snickers numa caneca, a receita que me vai levar ao paraíso...

Não, não é saudável. Não, não é light. Não, não é vegan. Sim, tem glúten e tem açúcar. E tem o meu chocolate preferido: Snickers. Esta receita do blog No Spoon Necessary é uma verdadeira tentação a que eu obviamente não vou resistir.

Demora 10 minutos a fazer e só precisa de uma caneca grande, de um micro-ondas e dos seguintes ingredientes: farinha, açúcar, cacau em pó, fermento, sal, um ovo batido, leite, azeite, um Snickers pequeno e um caramelo com sal. Para decorar, tenha à mão chantilly, amendoins tostados e picados e molho de caramelo com sal. Eu avisei que era para a desgraça…

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 1 pessoa, espreite aqui a receita original.

Snickers-Mug-Cake-25-1.jpg