Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

quer ficar com o corpo do cristiano ronaldo? estes são os exercícios que tem de fazer

transferir (8).jpg

Confesso, estou obcecado! Eu, um singelo rapaz que não troca uma imperial por um único movimento, que é capaz de sacrificar uma ida ao ginásio em prol de um belo gin tónico, estou um homem novo. Depois de ver o que o Ronaldo é capaz de fazer sozinho pela Selecção Nacional, não quero outra coisa. Já decidi! Depois de adoptar a dieta do Ronaldo, agora vou adoptar o corpo do Ronaldo.

E, para isso, preciso de fazer exercício físico cinco dias por semana. E não é um exercício qualquer. Felizmente, o site Burn to Workout, reuniu os exercícios que Ronaldo faz diariamente. Se quiser ter aquele tanque de lavar roupa na barriga, isto é o que precisa de fazer. E já não falo dos treinos com a equipa...

transferir (6).jpg

 

 

chips estaladiços de courgette, o aperitivo saudável para o verão

Imagine umas estaladiças e viciantes batatas fritas. Agora tire-lhes as batatas e as fritas. Com o que é que fica? Com as estaladiças e viciantes. É isso que é esta receita do fabuloso blog Kitchen Treaty.

Depois de muito procurar, encontrei finalmente a melhor maneira de fazer umas batatas fritas que não são batatas nem fritas. Têm tudo o resto: o sabor salgado que nos faz beber um copo de sangria cada vez que o Ronaldo toca na bola, a textura estaladiça que provoca aquele crepitar viciante nos dentes... Mas depois não tem as calorias nem a gordura.

O segredo do Kitchen Treaty para fazer os chips de courgette estaladiços está na humidade e na grossura das rodelas. Nunca as deve cortar com mais de 0,3 centímetros de espessura. E o ideal é ficar algures entre os 0,15 e os 0,3. Para isso, tem de ter uma faca bem afiada ou um mandolim. Depois precisa das courgettes grandes, de azeite, flor de sal e pimenta preta moída no momento. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

salt-and-pepper-baked-zucchini-chips6-700x467.jpg

 

 

hoje é dia de fazermos uma verdadeira sangria espanhola (e por isso temos aqui a receita do ferran adriá)

20180615_160321.jpg

Não podia resistir a uma oportunidade destas! Em dia de Portugal-Espanha, há alguma coisa melhor do que fazermos uma verdadeira "sangria espanhola"? Calculei... Então a combinação é a seguinte: caros conterrâneos da Selecção Nacional, Vossas Excelências tratam de fazer a sangria em campo, nós, adeptos devotos, encarregamo-nos de fazer a sangria em casa.

E, para um momento solene como o de hoje, precisamos dos melhores conselhos para fazermos a sangria mais eficaz. É por isso que tenho aqui a receita do melhor chef espanhol de sempre: Ferran Adriá, tão-só o antigo responsável pelo prestigiadíssimo El Bulli. Tenho a certeza de que, se usarmos a receita dele para fazer uma sangria, não vai sobrar nenhum espanhol em campo.