Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

quer desvendar o novo crime no expresso do oriente? é fazer este jantar-mistério a bordo de um comboio

Sinto-me um verdadeiro Hercule Poirot da Musgueira ao escrever sobre esta viagem de sonho. Ter um comboio, com uma carruagem-restaurante, a percorrer as vinhas da Califórnia enquanto prova os maravilhosos vinhos locais já seria um grande acontecimento. Agora, ainda ter um mistério que os passageiros têm de desvendar ao longo da viagem então deve ser uma experiência única.

A iniciativa foi lançada pelo famoso Napa Valley Wine Train, um comboio do início do século que percorre a linha entre Napa e St. Helena, na Califórnia, e onde pode apreciar a vista enquanto prova alguns dos melhores vinhos da região.

tl-horizontal_main_2x.jpg

 

 

isto, sim, é uma grande notícia! uma fonte pública que deita vinho grátis 24 horas por dia

wine-2490636_960_720.jpg

Em bom rigor, não é uma fonte – são duas! E aqui bem perto. Em 1991, foi inaugurada em Espanha a fonte em Ayegui, a 2 km de Estella, nos Caminhos de Santiago. A fonte está aberta ao público entre as 8h da manhã e as 20h e tem duas torneiras: uma onde se pode servir de água e outra onde pode servir-se de vinho tinto. Gratuitamente.

 

 

o estudo científico de que precisava: os casais que bebem juntos ficam juntos mais tempo

Minha querida e prezada Mulher Mistério (aka Mulher em Dieta),

Eu sei que é este ano que vais chegar ao Verão com um corpinho de Sara Sampaio. Eu sei que estás empenhada nessa batalha, eu sei que a tua dieta impede o copito de vinho ao jantar, mas há coisas mais importantes do que um dia seres convidada para desfilares pela Victoria's Secret.

Serve esta pequena introdução para te relembrar de um relevante estudo, publicado em 2016 nos prestigiadíssimos Journals of Gerontology Series B: Psychological Series (sim, confesso, estou desesperado e, por isso, ando pelos confins da Internet à procura de argumentos em minha defesa), que concluiu, de forma clara e inequívoca, que "os casais que bebem juntos revelaram um decréscimo da qualidade marital negativa ao longo do tempo". 

thanksgiving-2911499_1280.jpg

 

é o estudo científico por que todos esperávamos: lavar a loiça ajuda a aliviar o stress

À atenção da minha querida e prendada Mulher Mistério,

Não sou eu que o digo – são os cientistas da Universidade da Florida, nos Estados Unidos. E contra factos científicos não há argumentos: tens andado muito tensa, com toda esta agitação do Natal, por isso o melhor é lavares a loiça cá em casa, pelo menos, até ao fim do ano. Tu bem sabes que eu me preocupo bastante com a tua saúde, por isso sou perfeitamente capaz de abdicar desse enorme prazer que é lavar a loiça só para tu poderes relaxar.

plate-1767422_960_720.jpg

 

 

o bolo de casamento do príncipe harry não vai ser assim

07b38c04-7137-4fb9-9d00-23f80b0ca013-getty-119552858.jpg

Banana! Apesar de todo o segredo à volta do casamento do Príncipe Harry com a actriz Meghan Markle, uma fonte próxima do casal revelou ao jornal britânico The Telegraph como vai ser o bolo dos noivos.

Ao contrário do que aconteceu no casamento do seu irmão e da sua mãe, Harry decidiu servir um bolo de banana. "É a primeira vez que um casamento real britânico vai ter um bolo de banana", diz a fonte citada.

Segundo a tradição na família, os bolos de casamento são sempre feitos com frutas desidratadas e frutos secos. Depois são embebidos em muito álcool. A ideia é tornar o bolo dos noivos indestrutível – e comestível até ao dia baptismo do primeiro filho do casal.

A tradição já tem mais de 100 anos, quando a famosa marca de bolachas digestive McVitie's foi convidada pela primeira vez para fazer o bolo de casamento real. Em 1893, a McVitie's foi a responsável pelo bolo do casamento da Rainha Maria com o Rei Jorge V. Em 1947, fez o bolo da Rainha Isabel II. E, em 2011, tratou do bolo de William e Kate (foto em cima) que, apesar de ser um bolo de fruta, como manda a tradição, levava uma base feita com 1.700 bolachas digestive e mais de 16 quilos de chocolate.

 

 

mcdonald's faz revolução saudável e acaba com os conservantes artificiais nos mcnuggets

Captura de ecrã 2016-08-02, às 16.33.55.png

É uma das notícias mais comentadas no Facebook em todo o mundo: a McDonald's anunciou ontem que vai acabar com todos os conservantes artificiais utilizados nos McNuggets, um dos pratos mais vendidos nas lojas de todo o mundo.

Mas há mais. Os pães usados nos hambúrgueres vão deixar de ter xarope de milho, um ingrediente carregado de frutose e considerado responsável por provocar diabetes e obesidade. E não é tudo. Os frangos vão deixar de ter antibióticos, os ovos virão apenas de galinhas criadas ao ar livre e os muffins deixarão de ser feitos com margarina líquida.

 

os cinco alimentos mais viciantes e os cinco menos viciantes (segundo o último estudo científico)

n-SUGAR-FOOD-large570.jpg

É oficial: a Família Mistério foi mobilizada pela "Generala" cá de casa para trabalhos forçados em prol da sua dieta. Agora é preciso descobrir deliciosas receitas light e todas as dicas úteis para a minha Querida Ela voltar a sentir-se uma verdadeira Dakota Johnson dentro de um vestidinho Saint Laurent encarnado (já agora, o que é que aconteceu ao Yves? Foi banido da marca?).

Como qualquer fiel seguidor, cumpri a minha missão com louvor e descobri aqui os cinco alimentos mais viciantes, aqueles de que Ela tem de fugir com a mesma velocidade com que o Forrest Gump corria pelo campo. As conclusões são de um estudo científico divulgado na semana passada e que, segundo a sua autora em declarações ao Huffington Post, analisou pela primeira vez a relação entre a forma como as pessoas consomem certos alimentos e as propriedades que estes têm. Mas, antes de transformar este blog no American Journal of Science, é melhor passar ao que interessa. E o que interessa é saber quais são os cinco alimentos mais viciantes da prateleira do supermercado e os cinco menos viciantes.