Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

vídeo: como fazer uns crepes saudáveis com tapioca em vez de farinha (em menos de 5 minutos)

É o segredo para um domingo light e sem trabalho: uns deliciosos e fininhos crepes feitos com uma cremosa mistura de tapioca, ovo e queijo ricotta. A tapioca vai substiuir a farinha, as claras de ovo vão tornar os crepes leves e suaves e o queijo ricotta vai dar-lhes a cremosidade que atira esta receita para o olimpo dos lanches de domingo.

Crepioca Light V3sem_texto.jpg

Melhor ainda: esta maravilha pode ser servida com um delicioso fio de mel por cima, durante um brunch, ou com um recheio de queijo ricotta, abacate e amêndoas laminadas para um brinner. É só escolher o que lhe apetece mais: uns crepes doces ou salgados? De manhã ou à noite? Para começar ou para acabar a refeição?

Quando a Miele nos desafiou a preparar três receitas do nosso último livro numa cozinha Miele, a minha querida Mulher Mistério não teve dúvidas: temos de fazer estes deliciosos crepes na placa de indução. Além de ser rapidíssima a aquecer a frigideira, mantém a temperatura constante durante todo o tempo. Resultado: fizemos esta deliciosa crepioca em menos de 5 minutos.

 

Crepioca light sem farinha nem açúcar

É crepe, mas também é tapioca. É uma crepioca light com uma massa cremosa feita à base de queijo ricotta e tapioca. Sem farinha nem açúcar. Um brunch light para este domingo, preparado numa cozinha Miele. www.casalmisterio.com #crepe #brunch #casalmisterio

Publicado por Casal Mistério em Domingo, 25 de Novembro de 2018

 

 

panquecas de amêndoa e tapioca, uma receita paleo, sem glúten nem açúcar para celebrar o início do fim-de-semana

Pode não acreditar mas estas panquecas ficam mesmo leves e macias, apesar de não terem farinha. A mistura da farinha de amêndoa e da tapioca faz o mesmo efeito da farinha de trigo. Em menos de meia hora faz esta delícia que descobri no blog The Roasted Root para o brunch deste sábado.

Só precisa de farinha de amêndoa, fermento, tapioca, sal, dois ovos ligeiramente batidos, extrato de baunilha e leite de amêndoa. Para decorar, use mirtilos, rodelas de banana, manteiga de amêndoa, xarope de ácer, amêndoas tostadas e sementes de cânhamo.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para fazer 9 panquecas, espreite aqui a receita original.

almond_flour_pancakes_hero.jpg

 

 

panquecas de aveia e limão, um brunch sem glúten nem açúcar para este fim-de-semana

Esta receita do ótimo blog A Couple Cooks não tem glúten nem açúcar. Ok. Num mundo perfeito, não engordaria nada, mas, pronto, engorda só um bocadinho. Desde que não devore 10 panquecas de uma vez também não é por aí. Além disso, hoje é sábado e todos nós merecemos.

Para fazer este brunch delicioso, vai precisar de aveia ou farinha de aveia, farinha sem glúten (ou se preferir, pode usar farinha integral), amido de milho, fermento, sementes de papoila, sal, xarope de ácer, ovos, extrato de baunilha, raspas e sumo de um limão, óleo de coco derretido e leite.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 8 panquecas grandes ou 16 pequenas, espreite aqui a receita original.

Lemon-Poppyseed-Pancakes-005.jpg

 

 

panquecas de quinoa, as maiores aliadas para quem adora comer e quer emagrecer

Eu sei que há pessoas que fazem dieta na boa, não têm fome, bebem líquidos e gosmas verdes sem pestanejar, e eu faço uma vénia a pessoas assim. Porque francamente, não consigo. Não sou capaz. De passar o dia a líquidos, de comer bolachinhas de água e sal e uma maçã, não dá. Porque eu ADORO comer. Por isso é que engordo. Se eu não gostasse de comer, continuava a ser o palito que fui durante a minha infância e adolescência. E também é por essa razão que não compreendo pessoas que fazem dieta “na boa”. Não é força de vontade, na realidade não lhes custa nada. Só pode ser. Só a título de exemplo, hoje estou de dieta, claro. Como sempre. Mas enquanto escrevia estes disparates no computador, não resisti e devorei um chocolate inteiro. E estou aqui tentada a ir buscar outro. Não me aguentei e lá me desgracei outra vez.

Bom, mas vou voltar à minha tão sui generis dieta. Eu nunca desisto de mim própria. Aliás, sou a única pessoa no mundo que ainda tem fé na minha pessoa. Como? Vou celebrar a implantação da República com estas deliciosas panquecas de quinoa que descobri no site da Martha Stewart. São conhecidos os benefícios para a saúde da quinoa: rica em proteínas e fibras, também ajuda a emagrecer. E é isso que queremos, não é verdade? Por isso, vai ser assim o nosso pequeno-almoço republicano.

med106543_1110_hea_quinoa_cakes_vert.jpg

 

 

este divinal creme de limão fica pronto em 5 minutos e nem sequer vai ao lume

Melhor do que um bolo de limão, só um creme de limão. Aquela consistência aveludada tipo leite condensado combinada com o toque ácido do limão é como o José Castelo Branco combinado com um casaco de peles: enche qualquer sala. E depois temos aquele detalhe que é capaz de virar a nossa vida: não precisa de cozinhar. Nem sequer de acender o fogão.

O segredo do site The Kitchn é utilizar um liquidificador de alta velocidade. O calor produzido pelo liquidificador a bater os ingredientes durante cinco minutos é o essencial para cozinhar este lemon curd a baixa temperatura. E deixar esta consistência lisinha e macia que é única. 

De ingredientes, só vai precisar de uma colher de sopa de raspas de limão fininhas, o sumo espremido de três a quatro limões, 5 ovos, açúcar, flor de sal e manteiga sem sal dividida em oito cubos. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

d9ef5582794d31a7628212e5237abffa55c451e2.jpeg

 

 

panquecas de batata doce sem glúten nem açúcar, a forma mais saudável de começar o seu dia

Já que é Dia da Panqueca na Mansão Mistério ao menos que seja Dia da Panqueca Saudável cá em casa. Sim, é verdade. Ainda estou de dieta. E estarei. Esta receita do blog Jar of Lemons é uma ótima opção. É vegetariana, não tem lactose, não tem glúten nem açúcar. E só vai ingerir 179 calorias. Nada mal, hein?

Só vai precisar de uma batata doce esmagada (puré de batata doce), ovos, óleo de coco, leite de amêndoa, xarope de ácer, vinagre de cidra, fermento, farinha sem glúten e canela.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para fazer 8 panquecas, espreite aqui a receita original.

Healthy-Sweet-Potato-Pancakes-3.jpg

 

 

panquecas de banana vegan, sem açúcar nem glúten para começar o fim-de-semana de forma saudável

Eu sei que estou de dieta, mas posso comer uma (ou duas, vá) esta manhã. Cá em casa, foi institucionalizado há muito tempo que o sábado é o dia oficial da panqueca e eu não posso fugir às tradições. Sou uma pessoa muito convencional e disciplinada (lol), não gosto de quebrar usos e costumes, hábitos que ganharam força de lei na Mansão Mistério. Por isso, hoje, vamos provar esta receita do blog The Awesome Green: é vegan, sem glúten, nem açúcar com um delicioso sabor a banana e a amêndoas tostadas. Já está com água na boca? Também eu.

Demora menos de meia hora a fazer e vai precisar dos seguintes ingredientes: farinha de trigo sarraceno, geleia de agave, leite de amêndoa, uma banana madura esmagada, sementes de linhaça, fermento, bicarbonato de sódio, sal cor de rosa dos Himalaias, óleo de coco para fazer as panquecas, e amêndoas tostadas, rodelas de banana e mel para decorar.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

Banana-pancakes-gluten-free.jpg

 

 

panquecas de coco e tapioca com mel (para um brunch sem farinha nem açúcar)

Desde que provámos pela primeira vez as fabulosas crepiocas, que eu gasto uma boa parte dos meus dias à procura de outras receitas deslumbrantes com tapioca. Pois bem, hoje acordei com o sentimento do dever cumprido. Não por ter ido votar nas eleições para o Sporting, mas por ter descoberto estas espectaculares, fofinhas e bastante mais saudáveis panquecas de coco e tapioca sem glúten.

A receita é do delicioso blog Gluten Free on a Shoestring e é facílima de fazer, além de deixar as panquecas leves e macias como nós gostamos cá em casa. Ficam altas e suaves, como se fossem umas panquecas de farinha, mas não levam glúten e são muito mais light.

Tudo o que vou precisar para fazer esta beleza é de farinha de coco, tapioca, mel, ovos, leite de coco de pacote (os de lata são mais densos), óleo de coco, fermento e flor de sal. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

Captura de ecrã 2018-09-06, às 19.49.42.png

 

 

sabia que estas divinais panquecas de batata doce só têm 63,5 calorias?

São provavelmente as panquecas mais simples do planeta. E mais saudáveis também. Não levam farinha, não levam açúcar, não levam leite e são mais fofinhas do que uma bochecha do Fernando Mendes. A receita é do fabuloso site The Kitchn e entra direitinha para o Guinness das mais fáceis de sempre. 

Tudo o que precisa é de uma batata doce e dois ovos grandes. Para saber o peso exacto da batata doce, consulte a receita original aqui. Está entusiasmado com esta maravilha? Então espere para ouvir mais um detalhe importante para a sua balança: cada quatro panquecas (é o que vai fazer com estas quantidades), têm apenas 254 calorias, o que dá a módica quantia de 63,5 calorias por panqueca. Já estou a sentir o coração da minha querida Mulher Mistério a palpitar sofregamente!

bcf247818cacc31fb978656468e6765c70f95293.jpeg

 

panquecas sem glúten nem açúcar para começar o fim-de-semana sem culpas

Estou aqui sentada à frente do computador a pensar na melhor forma de começar este texto, mas infelizmente não tenho nada de interessante para partilhar com o mundo. Continuo sem emagrecer um grama (a verdade é que até emagreço durante a semana para voltar a engordar ao fim-de-semana), o meu querido Marido Mistério, que já está na fase em que sonha com receitas e restaurantes, continua magro só para me enervar, e os nossos queridos Filhos Mistério continuam as suas intermináveis férias. Como vê, nada de novo. Tudo na mesma na Mansão Mistério.

Por isso, vou deixar de conversa fiada e vou direta ao que me trouxe aqui hoje. Esta ótima receita de panquecas sem glúten que descobri no site Mom. Demora menos de meia hora a fazer e o segredo está na farinha, que é de coco.

Só vai precisar de ovos, leite, mel (pode usar xarope de ácer ou geleia de agave), óleo de coco derretido, farinha de coco, fermento e sal.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 2 a 3 pessoas, espreite aqui a receita original.

143-162352-img_9532-1486917511.jpg

 

 

as panquecas perfeitas para a dieta de verão: de coco e banana sem farinha nem açúcar

É por causa de receitas como esta que eu não me importo de viver perseguido por uma mulher em dieta. Ontem, quando cheguei a casa da praia (sim, eu consigo ir à praia com este tempo, e ficar até às oito da noite...), tinha esta receita no meu email. 

"Aqui está uma boa ideia de receita para escreveres para amanhã de manhã". Aquilo que aparentemente parecia uma carinhosa atenção da minha querida Mulher Mistério era na verdade uma interesseira sugestão para me levar a cozinhar esta maravilha hoje ao pequeno-almoço. "É light e fácil de fazer. É perfeita para esta época. Vais ver que não custa nada". 

O que vale é que esta magnífica receita do fabuloso blog Hungry Hobby é, de facto, facílima e rapidíssima de preparar. Tudo porque só precisa de bater todos os ingredientes num liquidificador. Mais nada. E depois as panquecas levam banana e claras adicionais na massa, o que lhes dá uma consistência muito mais cremosa e leve.

pancake-overhead.jpg

 

 

bem-vindo ao paraíso dos ovos para o brunch

22154573_1965604337014834_1130510276801426660_n.jp

Para começo de conversa vou dizer-lhe só um número: oito. São oito os diferentes tipos de ovos à escolha para o seu pequeno-almoço. Quer ovos florentine? Tem. Quer ovos benedict? Tranquilo. Prefere ovos royale? Também há. O que gostava mesmo era de ovos rothko? Não, não me engasguei, é mesmo outro tipo de ovos que encontra no Dear Breakfast, em Lisboa.

Mas há mais boas notícias. Tudo isto está disponível diariamente entre as 9h da manhã e as 16h. Por isso, se lhe apetecer um brunch a uma quarta-feira, às três da tarde, depois de uma noite louca em que conseguiu sobreviver aos seguranças do Urban, este é o sítio ideal. O único constrangimento pode ser mesmo arranjar mesa porque costuma estar cheio.

 

 

panquecas com crème fraîche, banana, mirtilos e avelãs tostadas, uma receita de perder a cabeça

Não, infelizmente, esta não é uma receita light. É uma receita para me desgraçar toda, mas hoje é domingo, por isso, estou perdoada. Alguém consegue resistir a umas panquecas com este aspeto? Eu não. Eu sei que não sou um exemplo de força de vontade mas, ainda, por cima, esta receita do blog Kitchen Konfidence usa crème fraîche para fazer a massa. Tenho mesmo de experimentar!

Para fazer esta maravilha, vou precisar de farinha, açúcar, fermento, sal, leite, crème fraîche, ovos, extrato de baunilha e manteiga para derreter na frigideira. Como toppings, vou usar xarope de ácer, rodelas de banana, mirtilos frescos e avelãs tostadas sem pele.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

Creme-Fraiche-Pancakes-5.jpg

 

 

não tenho nada de interessante para dizer por isso aqui vai uma receita de panquecas

Foi esta simples frase que tornou a receita de panquecas aqui em baixo na mais viral de sempre. A receita original foi publicada em Março de 2010 no site australiano Taste. Desde então, passou completamente despercebida até que, em 2014, começou uma onda totalmente inesperada.

Sem qualquer justificação aparente, no final do ano, a receita renasceu das cinzas para começar a ser publicada em vários sites e redes sociais, acompanhada da seguinte frase: "Não me lembro de nada interessante para dizer, por isso aqui vai uma receita de panquecas". De sites de tecnologia a páginas de personalidades públicas internacionais, a receita espalhou-se como um rio de lava.

Hoje, se pesquisar "viral pancake recipe" esta é a primeira a aparecer e a famosa frase que acompanha a partilha tem milhões de publicações, com pequenas variações. Entretanto, a receita já sofreu algumas alterações à medida que foi sendo partilhada, mas a original continua a ser uma das receitas mais lidas e, para mim, é motivo mais do que suficiente para me levar amanhã de manhã para a cozinha, acompanhado de...

basic-pancakes-78986-1.jpeg

 

e para hoje temos… panquecas especiais, pois claro!

Há tradições que são para se cumprir e não podem, nunca, jamais em tempo algum, ser quebradas. É o caso do Natal, da Páscoa, da minha dieta a recomeçar a todas as benditas segundas-feiras e o Dia da Panqueca na Mansão Mistério. É sagrado. Uma tradição que se arrisca a perpetuar-se no tempo porque vai passar de geração em geração. Palavra de Filhos Mistérios e eu tenho de acreditar. Pois bem, o tão ansiado dia chegou. E, para hoje, optámos por uma receita diferente que descobri no blog My Little Fabric. Só demora 15 minutos a preparar e 2 minutos na frigideira (cada panqueca, claro!).

Só vamos precisar de ovos, leite, farinha, açúcar refinado, amido de milho, fermento, sal fino e baunilha em pó. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 10 panquecas, espreite aqui a receita original.

My_little_fabric_Pancakes_02.jpg