tarte de chocolate preto e avelãs com tiramisù, a receita que vai ter mesmo de fazer este natal

    Parece difícil, mas não é. Parece deliciosa, mas é muito mais do que isso. É uma maravilha sem explicação. É um sonho tornado realidade. É a encarnação da tentação. É o Diabo em forma de tarte. Impossível resistir a esta receita do blog The Brick Kitchen. É absolutamente genial. Ok, vou parar com os elogios e passar a explicar a receita, que é para isso mesmo que me está a ler.

    Para fazer a base vai precisar de avelãs, farinha, cacau em pó, açúcar e manteiga. Para o recheio de chocolate, precisa de chocolate preto, natas, leite gordo, um ovo e café instantâneo. Para o creme de mascarpone, vai precisar de natas, açúcar de confeiteiro, café, mascarpone, pasta de baunilha e cacau em pó.

    Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, espreite aqui a receita original.

     

    Tiramisu-Tart009.webp

     

    Pré-aqueça o forno a 200º C e toste as avelãs, durante cerca de 5 a 7 minutos, até ficarem douradas. Quando arrefecerem, tire as cascas das avelãs.

    Nessa altura, triture as avelãs no liquidificador. Adicione a farinha, o cacau em pó e o açúcar e misture até obter uma massa homogénea. Adicione a manteiga fria e triture até obter uma espécie de crumble. Acrescente 1 a 2 colheres de sopa de água gelada e misture tudo até começar a ganhar consistência.

    Coloque a massa numa bancada coberta com farinha e amasse tudo até formar um disco. Enrole a massa em película aderente e guarde no frigorifico durante 2 horas ou durante a noite.

    Unte uma forma de tarte com 26 cm de diâmetro.

    Estenda a massa com o rolo da massa até obter uma espessura de 3 mm.

    Pressione cuidadosamente a massa contra o fundo e os lados da forma. Retire os excessos de massa da forma.

    Leve ao congelador durante 30 minutos.

    Entretanto, pré-aqueça o forno a 180º C.

    Tape a base da tarte com uma folha de papel de alumínio e coloque pesos por cima (por exemplo, arroz ou feijão cru) e leve ao forno durante 20 minutos.

    Retire o papel de alumínio e os pesos e deixe no forno durante mais 5 minutos.

    Deixe arrefecer enquanto faz o recheio.

    Para isso, reduza a temperatura do forno para 130º C.

    Pique o chocolate preto para uma taça média.

    Numa panela pequena, junte as natas, o leite e o café instantâneo e deixe ferver em lume brando.

    Deite por cima do chocolate que picou na taça, e deixe assentar durante 5 minutos. Misture tudo com um garfo até formar um ganache. Acrescente o ovo batido até obter um creme homogéneo.

    Transfira o recheio para cima da base da tarte já cozinhada e leve ao forno durante mais 15 a 20 minutos. Deixe de lado para arrefecer.

    Finalmente para a cobertura de mascarpone, bata as natas e o açúcar de confeiteiro até ficarem com a consistência de chantilly. Coloque o mascarpone numa taça à parte e adicione 3 colheres de sopa de café frio e misture. Acrescente a mistura das natas e envolva tudo, primeiro misturando devagar e depois batendo à mão até obter novamente uma consistência de chantilly.

    Adicione o chantilly à tarte e use a parte de trás de uma colher para espalhar e desenhar redemoinhos no topo. Decore com o cacau em pó.

    Sirva logo ou deixe no frigorifico até uma hora antes de servir.

     

    Feliz Natal,

    Ela

     

    receita e foto: the brick kitchen

    Deixe um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *